7 de agosto de 2007

Brasília 18%



Brasília 18%, Brasil, 2006

Direção: Nelson Pereira dos Santos

Gênero: Drama

Duração: 102 minutos

Elenco: Carlos Alberto Riccelli, Malu Mader, Othon Bastos, Carlos Vereza e Otávio Augusto


Eu sou daqueles que para gostar de um filme brasileiro ele tem que ser 100% . Admito que o cinema brasileiro vem numa crescente, percebemos isso pela a quantidade de filmes estreando recentemente.

Apesar de tudo como relacionei em percentagem o cinema brasileiro, Brasília 18% deve chegar em seus 18%, mais deve ser elogiado, pois o filme faz parte de um estilo que deveria existir mais no Brasil. Ao invés de focar as lentes nos menos favorecidos, Nelson Pereira, cinquenta anos depois de abrir os olhos do Brasil para a realidade das favelas, parece fazer o oposto. Num país que tem como cinema político sinônimo de “filmes canhestros sobre a ditadura”, o tempo é o presente, aqui e agora. Brasília, terra da corrupção, de crimes que passam batidos, de políticos que fazem tudo por dinheiro e poder, de um povo que não é visto e nem se faz conhecido pelos seus representantes.

O filme aborda gênero difícil de se fazer no Brasil, arriscado para alguns (como digamos tratar de políticos, sem dar nomes aos bois) e que é tão banal no cinema americano e europeu, mas permanece um tabu. Falhas técnicas de lado (como o fundo azul no avião), simples cretinices (a menina pedindo a Bíblia; juro que achei que haveria ali uma mega situação explicando, mas nada...) Porque fazer filmes visualmente bonitos, com uma belíssima fotografia em tons escuro é a prova que o cinema brasileiro está crescendo, mais no geral o filme pode se abreviar em 1 palavra ... CHATO ... mais ao podemos crucificar porque isso é simplesmente, cinema nacional.

.::VEJA UM BOM FILME ESTA NOITE ::.