10 de fevereiro de 2008

Simplesmente Cinema Recomenda

SENTENÇA DE MORTE
(Death Sentence, 2007)

de James Wan

O tema não é novo. Família que vive em perfeita harmonia transforma cada momento especial num pedaço de “eternidade” com gravações e mais gravações dos principais eventos comemorados juntos. Até que um dia, o filho mais velho é assassinado em frente ao pai que consegue reconhecer o assassino. Começa então uma guerra particular entre o pai atormentado e a gangue. Tudo acompanhado de perto pelo sistema falho de justiça e por policiais coniventes.

O filme realmente mostra o que acontece com quem tenta fazer a justiça com as próprias mãos. Entendo que o personagem de Nick fique louco ao saber que seu filho não foi morto por “acidente” em um assalto, mas sim determinadamente escolhido para a iniciação em uma gangue de um moleque chamado Joe.

O fato é que Nick parte mesmo para a vingança e consegue comer o seu prato ainda quente. Mas, claro, desencadeia uma reação das grandes de Billy e de sua gangue - formada ainda por Bodie (Edi Gathegi), Heco (Hector Atreyu Ruiz), Baggy (Kanin J. Howell) Jamie (Dennis Keiffer), Tommy (Freddy Bouciegues), entre outros. A reação do grupo rende algumas cenas de perseguição ótimas, além de uma inevitável represália para o restante da família de Nick.

O diretor ainda acertou em cheio ao escolher Kevin Bacon para o papel do pai que passa por três grandes transformações durante o filme, de pai boa praça, passando pela fase de atormentação com a morte do filho e terminando como um animal tão violento quanto seus inimigos. Sua performance supera seu belíssimo trabalho em O Lenhador (2004). A sumida Kelly Preston (Sky High) não compromete sua participação como a mãe de família. Mas são dois coadjuvantes que dão um show quando aparecem em cena. John Goodman (A Volta do Todo Poderoso) rouba toda as suas cenas como um vendedor de armas duro na queda. Garret Hedlund (Eragon e sobrinho de Brad Pitt em Tróia) se despe de sua beleza épica para interpretar o líder da gangue e não desaponta.

A direção de James Wan é bem equilibrada, com o tom exato conforme a situação e com espaço para alguns momentos mais de expressão dos personagens. A história é baseada no livro de Brian Garfield, com roteiro assinado por Ian Jeffers.

O que poderia ser um drama psicológico com alguns momentos de tensão, nas mãos do diretor James Wan (Jogos Mortais) se torna uma montanha russa sangrenta de perseguições em busca vingança. A trama escrita pelo escritor de Desejo de Matar (a maior saga de vingança familiar do cinema!) não dá trégua para o espectador. Apesar de abusar dos velhos clichês hollywoodianos, nos compensa por contar com cenas memoráveis (geralmente violentas) e pequenas reviravoltas que dão fôlego para o filme crescer num final que não desaponta.


... Cuspido por Raphael, e informações adicionais IMDB, CINEPT e CineCartaz.

LUZ , CÂMERA , AÇÃO ...CORTA.


14 comentários:

Coisas de Homem disse...

Muito boa dica, esses atores são ótimos.


Queria te fazer um convite. Gostaria de fazer um artigo para meu site?

www.coisasdehomem.com

sobre o filme Poderoso Chefão.

Aguardo resposta, me envie um e-mail. Ou deixe nos comentários.

gislaine matias disse...

otima dica
valew
bjos°

CapinaremosRH@gmail.com (Zanfa) disse...

Hmm, a temática do filme parece boa.

Acho que vou atrás assistir sim. ;)

Nana Lopes disse...

Vim ver as novidades!!
Bjkas

Johnny M. disse...

Não conhecia esse filme, nunca tinha ouvido falar. Valeu a pena ter entrado aqui, porque agora quero muito ver esse filme.
Valeu mesmo.

squirrel disse...

esse filme tem cara de bom,eu quero alugar o filme x D

adoro filmes


beijos

Antonoly disse...

O roteiro desse filme lembra um pouco a série de filmes "Desejo de matar" com o falecido e saudoso ator Charles Bronson. É uma boa pedida!

www.infoweb.blogsome.com

gislaine matias disse...

otimo post e blog
bjos°

Coisas de Homem disse...

Me adicione no MSN: lemp2003@hotmail.com


te passo os detalhes do artigo..

abraçoss

Carlírio Neto disse...

Parece ser um bom filme.

Parabéns pelo blog!

Debora Ferreira disse...

parece realmente ser um ótiimo filme ! Despertou mesmo a minha curiosidade !

=D

os ligaos disse...

hum.. ja ouvi falar desse filme.. deve ser bom pra quando vc nao tem nada o que fazer e ta com o filme engavetado..

flws

Karoline disse...

Normalmente não gosto de filmes sanguinolentos, mas acho que não vou perder nada se considerar sua recomendação e assisti-lo. Não gosto do gênero, mas sem dúvidas alguns desses filmes são bons.

Blogueiros S.A. disse...

Quase que vc conta o filme inteiro, ein?
hihihihi

Boa dica!

Aliás, seu blog é uma boa dica!
parabéns!

http://mentesdiversas.blogspot.com/